Entrega oficial do novo equipamento de radioterapia no HRO

Entrega oficial do novo equipamento de radioterapia no HRO

Às 15h desta quarta, 05 de junho de 2019, foi efetuada a entrega oficial do novo equipamento de radioterapia no HRO.

Representantes do Ministério da Saúde, da empresa Engedix que edificou a obra e, fornecedor do equipamento da empresa Variant estiveram em Chapecó. O novo acelerador linear é um dos equipamentos do programa “80 Soluções em Radioterapia”, realizado pelo Ministério da Saúde.

O HRO estava entre os últimos hospitais do Brasil a ser atendido nesta demanda, porém com envolvimento das entidades da sociedade civil organizada e integrantes da Associação Hospitalar Lenoir Vargas Ferreira foi viabilizado projeto de engenharia civil.

Isso resultou que o HRO está entre os primeiros hospitais no Brasil em acessar e ser contemplado no projeto. A ordem de serviço foi entregue em março de 2018 e a entrada em operação do novo equipamento foi em maio deste ano.

Só para ter uma ideia, o bloco de concreto da obra (casa mata/banker) que abriga o acelerador linear, tem espessura de três metros em todo entorno do raio de atuação da máquina.

A Comissão Nacional de Energia Nuclear já esteve no HRO e aferiu plena segurança, liberando para atendimento à população acometida por algum tipo de câncer que venha ser diagnosticado, cuja prescrição médica indique tratamento também via radioterapia. Ao todo foram investidos mais de R$ 6 milhões, cujos recursos totalmente oriundos do Ministério da Saúde.

Próximo passo da Associação Hospitalar Lenoir Vargas Ferreira, entidade filantrópica que administra o HRO, será a substituição do antigo aparelho que já tem 18 anos de uso. Os valores estão garantidos via emenda parlamentar do deputado Valdir Colatto (R$ 1 milhão), do senador Dário Berger (R$ 1 milhão), e do senador Paulo Bauer (R$ 150 mil).

Para esse novo equipamento que virá, o processo licitatório foi assinado na tarde desta quarta. O total das três emendas resulta na ordem de R$ 2.150.000,00 milhões.

O HRO é referência na alta complexidade em radioterapia desde o município de Fraiburgo no Meio Oeste, até a fronteira do estado com Argentina.

De acordo com dados do último senso do IBGE, a população referenciada neste serviço pelo Sistema Único de Saúde é 1.272.026 catarinenses. 

  • COMPARTILHAR