Mestranda propõe implementação de projeto voltado ao acolhimento às mães com recém-nascidos internados

Mestranda propõe implementação de projeto voltado ao acolhimento às mães com recém-nascidos internados

A mestranda em Enfermagem na Atenção Primaria à Saúde pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), enfermeira obstetra, Andréia Cristina Dall`Agnol, que atua no Hospital Regional do Oeste (HRO), está desenvolvendo atividades na disciplina de promoção à saúde. O tema estudado é “Acolhimento para mães de recém-nascidos internados em unidades hospitalares de nosocômio geral: um movimento para promoção quaternária”.

De acordo com a mestranda, o objetivo é proporcionar melhor acolhimento às puérperas (mães de recém-nascidos). Entre as medidas apontadas no projeto, estão adequações físicas, quer sejam para descanso ou suporte para casos que se enquadram no projeto, como apoio psicossocial e de enfermagem em forma de grupo ou individual, visando minimizar as angustias, sensação de impotência como genitora por parte das puérperas.

Para efetivação do projeto, faz-se necessário envolvimento da equipe que interage com as mães. “O projeto tem uma visão holística e humanizada, uma vez que para concretizarmos as ações, precisa haver articulação entre a equipe multiprofissional, proporcionando um atendimento acolhedor e vinculando a puérpera ao serviço e aos cuidados com o seu filho”, disse a mestranda.

  • COMPARTILHAR